Edição online semanal
 
Domingo 21 de Outubro de 2018  
Notícias e Opinião do Concelho de Almeirim de Portugal e do Mundo
 

… E SE FALASSEMOS DE COISAS SERIAS?

08-06-2018 - José Janeiro

1. Enquanto o espaço informativo se entretêm com as historias de futebol, o mundo e o país vai rodando sem parar.

Indignaram-se as hostes, pelo preço das camisolas da selecção que equivale a 25% do salario mínimo nacional;

Indignaram-se as hostes, pela situação no Sporting com manifestação e tudo;

Indignaram-se as hostes, pelas “injustiças” do futebol, com fraudes e coisas assim;

Mas não se indignam, com o consecutivo aumento dos combustíveis;

Mas não se indignam, com a reforma escandalosa e mordomias daquele que obrigou o Estado a cobrir o buraco criado no Millennium, falamos do Jardim Gonçalves;

Mas não se indignam, com os casos de corrupção e trapalhadas da justiça;

Mas não se indignam, com as agressões humanas á natureza de forma preocupante;

Mas não se indignam, com o valor equivalente a 23 pontes Vasco da Gama que foi injectado na banca e sem fim á vista com os responsáveis pelos actos praticados sem serem responsabilizados;

Mas não se indignam, com os sucessivos escândalos dos governantes e deputados, que roubam descaradamente o Estado, que suportamos via impostos;

Continuaremos anestesiados neste período que aí vem, que depois se prolongarão via “silly season” e acordaremos do torpor lá para Setembro, e nessa altura já começamos todos a ser bonzinhos porque o Natal está perto e temos que começar a espiar os pecados para ganhar o céu, seja lá o que isso seja.

2. E inacreditavelmente Itália está na mira dos burocratas de Bruxelas, os tais que não foram eleitos e que se vão limitando a “mandar umas bocas” e a infernizar a vida ás pessoas com politicas idiotas, produzidas na casa de banho local.

Arrogantemente Bruxelas avisa a Itália, sucessivamente pelo bêbado Junker, o comissario Gunther Oettinger, e o Vitor Constâncio que iniciaram um ataque cerrado ao novel governo Italiano, havendo a ideia peregrina do germanico Gunter Ottinger que afirmou textualmente: “os mercados irão ensinar os Italianos a votar”, isto além de nojento, dá mais força aos especuladores que irão atacar via divida soberana aquele país.

Mais uma vez, iremos assistir ao filme já visto em que a população italiana irá pagar as asneiras dos governos e das troikas que nada aprenderam com a historia recente.

Mais uma vez, iremos assistir á irracionalidade de Bruxelas, já estamos a ouvir de novo os recados de mais trabalho e produtividade e novas medidas económicas “retificadoras”.

Quase nos faz lembrar o economista Walter Folk, da época Nazi de 1936 que sonhava com uma Alemã Industrial prospera e os outros países Europeus o seu celeiro.

A beatitude dos burocratas de Bruxelas continuarão a gerir o fim do sonho de Jean Monnet quando idealizou a Europa unida e prospera, mas que afinal é uma manta de retalhos gerida por incompetentes.

3. RIP, para o idoso de 73 anos que internado no Hospital de Santarém decidiu o fim da sua vida ao atirar-se do 9º andar do edifício hospitalar. Estava internado com um tumor e decidiu-se por abreviar a dor.

Que pensam agora as Cristas, os idiotas insensatos e os politiqueiros do PSD que votaram contra a Eutanásia, estes últimos para chatearem o líder numa jogatana parva? Que pensam agora os pseudo cristãos que defendem a vida a qualquer preço, incluindo o sofrimento atroz em nome de uma deus idiota? Que pensam agora os moralistas que desprezam o sofrimento humano em prol de um ideal? Que pensam agora aqueles que defendem os cuidados paliativos como solução magica? Será que o idoso não estava a gostar da dose química que recebia ou havia algo mais?

RESPONDAM! Não se acanhem.

Até para a semana.

José Janeiro

 

 

 Voltar

Subscreva a nossa News Letter
CONTACTOS
COLABORADORES
 
Eduardo Milheiro
Cordenador
Marta Milheiro
   
© O Notícias de Almeirim : All rights reserved - Site optimizado para 1024x768 e Internet Explorer 5.0 ou superior e Google Chrome