Edição online semanal
 
Domingo 19 de Agosto de 2018  
Notícias e Opinião do Concelho de Almeirim de Portugal e do Mundo
 

A Saúde, principalmente em Santarém gerida pela ARSLVT*

04-05-2018 - Eduardo Milheiro

Vem isto a propósito de uma notícia do Diário de Notícias que publicámos no N.A. com o título Administrações Regionais de Saúde têm frota automóvel envelhecida mas gastaram 1,8 milhões de euros num ano em táxis.

Mas quando os serviços têm estes carros velhos para trabalharem, Ministros, Secretários de Estado e Boys têm carros de topo de gama, Mercedes, Audi e BMW, só um dava para comprar 3 ou 4 carros para os profissionais de saúde trabalharem.

Na verdade, toda esta situação é vergonhosa, se juntarmos a falta de salas no bloco operatório do Hospital de Santarém, já há cerca de 3 anos. O caso fica ainda mais grave, se juntarmos a lista de espera para consultas ou operações, fica pior ainda.

No Hospital de Santarém, uma cirurgia a uma hérnia abdominal tem uma lista de espera de nove meses.

A juntar a este estado caótico do SNS no Hospital de Santarém, a falta de médicos e enfermeiros é gritante, não só no Hospital e como também em alguns Centros de Saúde.

Não sei se será por simpatia ou uma reação em cadeia, mas os Centros de Saúde do distrito, que estão dependentes da ARSLVT e do ACE Lezíria também não escapam ao estado caótico da Saúde em Santarém: em Almeirim, um Exame de nome Espirometria tem uma lista de espera de 2 (dois) meses para ser feito.

“E fazer mais o quê” como dizem os patrícios angolanos.

No meio desta desorganização e incompetência de quem dirige estes serviços, gente que em primeiro lugar tem de ter o cartão do partido, deixam tudo pior do que estava quando entraram para dirigir estes serviços. Alguns até são promovidos, como a ex-presidente da ARSLVT que foi nomeada Secretária de Estado da Saúde depois do brilhante serviço que fez nesta ARSLVT.

O PPD e o CDS andaram para acabar com o SNS, é verdade, foram uma autêntica comissão liquidatária, mas depois disto tudo o antigo Ministro da Saúde de Passos Coelho e Paulo Portas, Paulo Macedo, foi promovido pelo governo PS a CEO da Caixa Geral de Depósitos.

Este é o País em que vivemos e estas são as personagens que orientam e tratam da nossa vida e da nossa saúde. Estamos bem entregues, lá isso estamos.

O CENTRÃO DOS INTERESSES CONTRÓI SEMPRE PONTES EM COMUM.

Eduardo Milheiro

* Administração de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo

 

 

 Voltar

Subscreva a nossa News Letter
CONTACTOS
COLABORADORES
 
Eduardo Milheiro
Cordenador
Marta Milheiro
   
© O Notícias de Almeirim : All rights reserved - Site optimizado para 1024x768 e Internet Explorer 5.0 ou superior e Google Chrome