Edição online semanal
 
Segunda-feira 15 de Julho de 2019  
Notícias e Opnião do Concelho de Almeirim de Portugal e do Mundo
 

Demite-se embaixador britânico envolvido em polémica com Trump

12-07-2019 - Susana Salvador

O governo britânico anunciou saída de Kim Darroch, que em documentos oficiais da embaixada destinados a Londres apelidou a administração de Trump de "inepta". Presidente norte-americano respondeu à letra.

O governo britânico disse que Kim Darroch se demitiu do cargo de embaixador do Reino Unido nos EUA. A demissão surge depois da polémica com o presidente norte-americano, Donald Trump, cuja administração apelidou de "inepta". Trump respondeu chamando-lhe de "tolo pomposo".

"Desde que os documentos oficiais desta embaixada foram divulgados, tem havido muita especulação em torno da minha posição e da duração do meu mandato como embaixador. Quero pôr fim a essa especulação. A situação atual está a tornar impossível para mim desempenhar o meu papel como gostaria", escreveu o embaixador na carta de demissão.

A carta foi enviada a Simon McDonald, responsável pelo Serviço Diplomático no Foreign Office. "A primeira-ministra, o chefe da diplomacia e todo o serviço público ficaram ao seu lado: você foi alvo de uma maliciosa fuga de informação; você estava simplesmente a fazer o seu trabalho. Entendo o seu desejo de aliviar a pressão sobre a sua família e os seus colegas na embaixada; admiro o facto de pensar mais nos outros do que em si", respondeu, segundo o The Guardian.

"É lamentável que tenha considerado necessário deixar o cargo de embaixador em Washington", disse Theresa May durante a sessão semanal de perguntas no Parlamento britânico. "Um bom governo depende da capacidade dos funcionários de darem conselhos honestos e completos. Quero que todos os nossos funcionários tenham a confiança necessária para o fazer", acrescentou. Também o líder da oposição, Jeremy Corbyn, lamentou a demissão de Darroch.

Polémica

Nos documentos diplomáticos secretos, revelados este domingo pelo Mail on Sunday, Darroch descreveu Trump e a sua administração como "ineptos" e "excecionalmente disfuncionais". E acrescentou: "Nós realmente não acreditamos que esta administração se torne substancialmente mais normal, menos disfuncional, menos imprevisível, menos facciosa, menos desastrada e inepta diplomaticamente.". O próprio Trump era descrito como "inseguro" e "incompetente".

Em resposta, Trump cortou as relações com o embaixador britânico "Não vamos negociar mais com ele", indicou, tendo mesmo sido cancelada uma reunião entre o ministro para o Comércio Internacional britânico, Liam Fox, e o secretário do Comércio dos EUA, Wilbur Ross.

No Twitter, o presidente norte-americano apelidou Darroch de "maluco", "um tipo muito estúpido" e um "tolo pomposo", criticando ainda a primeira-ministra britânica, Theresa May, em relação ao falhanço das negociações do Brexit. "Ele devia falar ao seu país e à primeira-ministra May sobre as falhadas negociações do Brexit e não ficar chateado com a minha crítica de quão mal lidou com isso", escreveu, lembrando que deu conselhos a May, mas ela seguiu o seu próprio caminho "insensato".

Os ataques de Trump no Twitter surgiram depois de, na segunda-feira, May ter dito ter "total confiança" no seu embaixador nos EUA, confessando contudo que não partilhava a sua opinião. "A primeira-ministra não concorda com a avaliação [do embaixador]. A primeira-ministra tem um bom relacionamento com o presidente [Trump] e o governo trabalha de perto e de forma construtiva com a administração numa variedade de questões", disse o porta-voz de Downing Street.

Fonte: DN.pt

 

Voltar 


Subscreva a nossa News Letter
CONTACTOS
COLABORADORES
 
Eduardo Milheiro
Cordenador
Marta Milheiro
   
© O Notícias de Almeirim : All rights reserved - Site optimizado para 1024x768 e Internet Explorer 5.0 ou superior e Google Chrome