Edição online semanal
 
Sexta-feira 17 de Agosto de 2018  
Notícias e Opinião do Concelho de Almeirim de Portugal e do Mundo
 

Realizador de ‘Amélie Poulain’ acusa Guillermo del Toro de plágio com ‘The Shape of Water’

09-02-2018 - Redacção

No início do mês, Del Toro, que assina o argumento e realiza ‘The Shape of Water’, também já tinha sido acusado de alegadamente copiar partes do enredo da peça de teatro ‘Let Me Hear You Whisper’, da autoria de Paul Zindel, de 1969, e de supostamente roubar elementos de ‘The Space Between Us’, uma curta-metragem de Marc S. Nollkaemper, de 2015 (ver vídeos no fim do artigo).

Agora, o cineasta francês Jean-Pierre Jeunet, que realizou ‘Le fabuleux destin d’Amélie Poulain’ (2001), ‘Un long dimanche de fiançailles’ (2004) ou ‘Delicatessen’ (1991), também acusou Guillermo del Toro de copiar uma cena de ‘Delicatessen’ com o seu novo filme ‘The Shape of Water’ e que está neste momento nomeado com 13 Óscares.

Jean-Pierre Jeunet acha que Del Toro copiou ideias de ‘Delicatessen’ (1991) e confrontou o cineasta de ‘El laberinto del fauno’ sobre uma cena em especifico. Para o realizador francês quando as personagens Elisa Esposito e Giles, interpretadas por Sally Hawkins e Richard Jenkins, dançam enquanto estão sentadas no sofá a ver um filme antigo de Hollywood, é uma copia de uma cena de ‘Delicatessen’ (ver vídeos abaixo).

“ Eu disse-lhe: tu tens muita imaginação, muito talento. Porque foste buscar ideias aos outros? “. Del Toro respondeu e relembrou que tanto ele como Jeunet devem muito a Terry Gilliam. Jeunet confirmou e acrescentou, em declarações ao jornal  Ouest-Franc, que “ Foi Terry Gilliam quem nos influenciou a todos. Mas é claro. Quando ele faz a cena do casal sentado à beira da cama dançando com os pés, com o musical em plano de fundo na TV, é tão copiado e colado de Delicatessen que há um momento em que eu digo a mim mesmo que ele não tem auto-estima. ”

Jeunet vai ainda mais longe e diz que foi alertado para o facto de ‘The Shape of Water’ (2017) ter cenas muito parecidas com ‘Le fabuleux destin d’Amélie Poulain’ (2001). No entanto, para o cineasta francês o filme é mais parecido com ‘Delicatessen’ (1991): “ Na verdade, há algumas coisas no início como o pintor, o apartamento, a menina um pouco sincera … Mas é especialmente Delicatessen (…) Mas Guillermo tem talento suficiente para não fazer isso .”

Fonte: Comunidade Cultura e Arte

 

Voltar 


Subscreva a nossa News Letter
CONTACTOS
COLABORADORES
 
Eduardo Milheiro
Cordenador
Marta Milheiro
   
© O Notícias de Almeirim : All rights reserved - Site optimizado para 1024x768 e Internet Explorer 5.0 ou superior e Google Chrome