Edição online semanal
 
Segunda-feira 15 de Julho de 2019  
Notícias e Opinião do Concelho de Almeirim de Portugal e do Mundo
 

Professores ponderam pressionar Governo com pedidos de pré-reforma

12-04-2019 - RTP

Mário Nogueira considera problemático o envelhecimento do corpo docente e explicou à RTP que o desgaste da profissão deveria justificar a criação de um “regime específico de aposentações”. Depois de o Governo ter avançado que o novo regime das pré-reformas será aplicado caso a caso, os professores planeiam avançar com pedidos de pré-reforma em massa.

“Hoje, mais de 50 por cento dos professores em Portugal tem mais de 50 anos e 12 por cento tem mais de 60”, sublinhou o presidente da Fenprof, acrescentando que este é um problema para as escolas e alunos, mas também para o erário público, “por força das baixas que existem”.

Mário Nogueira declarou que “a OCDE já tem, por várias vezes, recomendado ao Estado português que tome medidas” face à questão do envelhecimento do corpo docente.

“Nós propusemos ao Governo a criação de um regime específico de aposentação dos professores que tivesse em conta o desgaste proveniente da profissão”, declarou. “O Governo disse-nos que não avançaria nessa negociação porque iria sair uma legislação geral para toda a função pública e que se aplicaria aos professores”.

A intenção de avançar com as pré-reformas em massa surge depois de Mário Centeno e Vieira da Silva terem esclarecido que o novo regime das pré-reformas na função pública será aplicado caso a caso e não de forma generalizada.

“A pressão que queremos fazer sobre o Governo é precisamente que os colegas com 55 ou mais anos, à partida a 8 de maio possam deslocar-se em massa e em conjunto entregarem requerimentos individuais para poderem ser informados sobre todo o processo” das pré-reformas, explicou.

Desse esclarecimento de dúvidas poderá, então, surgir uma entrega de pedidos de pré-reforma em massa.

 

Voltar 


Subscreva a nossa News Letter
CONTACTOS
COLABORADORES
 
Eduardo Milheiro
Cordenador
Marta Milheiro
   
© O Notícias de Almeirim : All rights reserved - Site optimizado para 1024x768 e Internet Explorer 5.0 ou superior e Google Chrome